balanço

o ano está por um fio

o amor também

e tudo está suspenso

do lado de dentro

as lembranças

congeladas

compõem um estranho

mosaico

.

tudo parou de repente

e se pintou de um bronze

quase monocromático

os avisos   as recomendações

se desfizeram

e viraram letras de uma estranha

música

as promessas   as mudanças

Ah! as mudanças…

.

me dividiram…

.

e entre explicações e suaves enluvamentos

aprendi uma doçura específica

a lida com loucos